Máquina de Preparação de Superfícies

Com a crescente competitividade entre as indústrias do setor metalúrgico e de revestimentos, foi necessário o desenvolvimento de técnicas que assegurassem a proteção contra a corrosão, garantindo uma melhor qualidade dos produtos processados.

O que é a Preparação da Superfície?

Preparação de Superfície é o processo de limpeza da peça ou material que posteriormente será pintado, composto por alguns estágios definidos de acordo com a peça que deverá ser tratada.

O estágio do desengraxe é usualmente a primeira etapa, sendo para remoção de óleo, gorduras e contaminantes. Por isso é de suma importância no processo que a superfície que receberá o revestimento de fosfato ou nanocerâmico esteja isenta de impurezas. Diferente dos solventes que dissolvem a sujeira, os desengraxantes alcalinos deslocam e emulsificam a sujeira na solução, reagindo com as mesmas para formar sabão solúvel em água.

Porque são importantes?

O Tratamento de Superfícies apresenta um papel fundamental na prevenção da corrosão, aumentando a durabilidade e a vida útil dos metais e promovendo melhor aderência da pintura que é o principal meio de proteção contra a corrosão. Forma-se então uma camada não só protetora, mas também decorativa.

Processos mais utilizados

Os modos de tratamento da superfície podem ser por aspersão ou imersão. Ambos possuem aquecimento do produto químico por meio do trocador de calor ou por sistemas de resistência. Veja a seguir cada tratamento:

Aspersão

Pré-tratamento por aspersão (spray): O processo consiste no direcionamento estratégico dos bicos, que são responsáveis pela limpeza através de produtos químicos. Eles trabalham de forma pressurizada e, dessa forma, dá-se a preparação da superfície das peças antes do processo de pintura. Neste processo, os tanques são responsáveis pela alimentação das árvores de bicos spray através de bombas, onde a névoa criada pelo spray é sugada pelo conjunto de exaustão; os tanques trabalham com o sistema cascata, o que ajuda o produto a retornar ao respectivo tanque.

Imersão

Pré-tratamento por imersão: O processo consiste no tratamento por imersão em uma mistura química para gerar uma proteção anticorrosiva e de aderência nas peças. O sistema é formado por uma sequência de tanques (banhos) onde todas as variáveis são controladas, como: tempo, temperatura, concentração do produto químico, etc., para que o resultado final seja o esperado.

Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on print